ela


Ela não concordou
Ela se atrasou
Ela não sei importou

O dia passou
A ausência se findou
E ninguém chorou

Ela fugiu
O mundo girou
Ele se perguntou
E ninguém a achou

Ela riu
Ela saiu
Ela voltou

O dia passou
A noite chegou
E ela se apressou

E uma vida de fez
Um vazio se desfez
E um amor se refez

Comentários

Thaís A. disse…
tão singela as palavras, mas tão bonito! gostei muito :)

Postagens mais visitadas deste blog

Carta para o meu avô

tereza, não ames!

há de se ter um jeito