Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2012

talvez um dia

Imagem
Talvez um dia, fiquemos juntos. Um dia de manhã qualquer, acordar, passar a mão nos teus cabelos e te falar sem pressa que já está na hora de acordar. Te ver indo embora, enquanto estou pensando no que comer com minha cara de preguiça de todos os dias. Procurar a chave do carro pela casa enquanto vejo o quanto nossas coisas já se bagunçaram.  Talvez um dia, acorde um pouco mais cedo e saia pra tomar um chocolate lendo um jornal antes de abrir algum projeto. Café é coisa pra se tomar de madrugada. E nesse mesmo jornal, ver como será o dia e acreditar que uma folha de jornal possa me dizer se vai chover ou não, se o maré está alta, se a lua está cheia ou se vai nascer hoje.  Talvez um dia, me torne mais irresponsável. Que não me falte disposição para escolher o caminho mais longo, só pelo fato de ser maior do que imagino, onde o fim não seja um objetivo e que esteja logo na minha frente. Que seja difícil, longo, que chova muita e que inunde as ruas, que me permita ter tempo para decidi…