versinhos bobos um

Enquanto esse dia
Não acaba
Vou levando
e curtindo
o andar desajeitado
a roupa descombinada
a cara lavada
a chinelinha cor de pastel

Enquanto esse dia
Não acaba
Vou levando
e pensando
nas pessoas que passaram
nas pessoas que ficaram
nas pessoas que estão
foto: eva poly
Enquanto esse dia
Não acaba
Vou levando
e sendo
o poeta que lamenta
o poeta que delira
o poeta que brinca de escrever

Enquanto esse dia
Não acaba
Vou levando
Ah, só levando.

-IsabelleC.

Comentários

uma lhama disse…
lindo lindo *-*
estou extamente assim hoje haha
Fernanda Alpin disse…
Enquanto esse dia
Não acaba
Vou levando
E amando
A pessoa que abraçou
A pessoa que acalmou
Esse pobre coração

Belíssima foto e belíssimo poema, Bel. :)Já tentou brincar de intercalar os versos dele com as das outras estrofes?
Eu deveria levar o "Vaga Expiação" a frente. Mas não tenho tempo. A gente tem que tirar um dia pra se reunir, te fotografar e pra me ajudar no meu blog. E ah! Ter um dia de amigas de verdade.

Fica bem, Boneca Bailarina!
:*
foto bonita.

leva meu samba, disse Ataulfo Alves na antiga letra da canção...


=D
marcos
Aline V. disse…
ai que bonitoooo =p Gostei muito

ótimo dia

beijokas

Postagens mais visitadas deste blog

tereza, não ames!

há de se ter um jeito

Carta para o meu avô