"Tarde da noite e na mesa:lapis e papel, ela, com um turbilhão de idéias...
Decide então escrever. As horas passam e ela
nem percebe.
Cria o que sua mente manda,
revela através de palavras escolhidas a dedo, os
seus medos, anseios, vitórias, vontades, amores...
E assim constrói um mundo a parte,
só dela. Um mundo no qual ela pode ser e fazer o que
quiser, usando apenas palavras."
-Carlos Felipe

Obrigada amigo =***

Comentários

Jonathan Silva disse…
Putz!
Texto show ...cuidado Bel,a forma como esse carinha escrev é massa tb!
Uma boa parceria para o toro aqui!
Torto...
Original...
Regular na forma simples do...
Texto,variando um pouco seus...
Objetivos...mas sempre...

TORTO!

Beijos!

Postagens mais visitadas deste blog

tereza, não ames!

há de se ter um jeito

Carta para o meu avô