Um livro, pequeno, de capa velha, perguntou-me hoje:
-O que é amor?
-Como?
-É o amor, menina! Diz logo, daqui a pouco serei alugado.
-É...não sei.
-Não sabe? Lógico que sabe, está viva até hoje.
-É...o amor é...é um nada.
-Um nada?
-Não se sabe como ele aparece, nem como vai embora.
-Mas achas que é apenas um nada?
-Também. Seu Livro, ele pode ser o que eu quiser que ele seja. Hoje, ele é um nada.
-Só um nada?
-Insistente o senhor, não é? Admito, então. É um nada...um nada essencial.


Na verdade, o livro não me perguntou nada. Eu que, sem intenção alguma, o vi encostado em uma das inúmeras prateleiras da biblioteca. E, com letras pequenas, estava escrito na capa: o que é o amor?. Esqueci tão rapidamente da pergunta da mesma forma como o encontrei. Só, agora conversando o torto, lembrei-me do inesperado.


Mama, minha amiga, parabéns, feliz aniversário, muitos anos de vida, muitas notas boas, muitos filhos, muito sucesso, muita paz, muito amor, muita felicidade...esqueci algo? Resumindo: tudo o que você quiser (é melhor dizer isso, gosto é algo muito pessoal!) amo você.

Comentários

Jonathan Silva disse…
Ótima pergunta...cm sempre...temas perfeitos!
Beijim!

Ps.:Se vc descobrir o que é o amor?!Me conta please hehehe!
ou manda por msg...existe um site que manda msg de graça para aparelhos da Oi sabia!?akkakakak...xerim!
o amor é uma bosta!
:/
sobre isso, nem me atrevo muito a falar, pois jah me decepcionei taaaaaaanto!
:'/
mais ADOOOOOOOOREI o que voce escreveu lá no meu blog.
É muito sem fundamento pessoas julgarem algo sem conhecer de fato.

beeeijo
"O Autor", disse…
O que é o Amor?

É a mesma coisa que perguntar ao Oceano o que ele é. Certamente, responderia: Sou um Oceano, é o que vocês dizem, certo?

Na maioria das vezes, o Amor é aquilo que acreditamos que ele seja.
Boa pergunta, eu realmente não seei responde-la!
Você escreve tão beeeem, parabéns *-*
;*;*
H.Riedel disse…
Tenho uma concepção desse nada essencial. Também tenho muito nada essencial por ti.
G. Sontachi disse…
o que é o amor?
eu também diria que é um nada.
*:
Mayara Cristine disse…
o amor... ele muda, todo dia, toda hora. mas tem uns que não mudam, assim como o que eu sinto por ti, bebele!
obrigada por você e meu amigo chapeu lembrarem de mim, eu sinto amor por vocês :D
e adorei a parte do tudo o que eu quiser!
Denise disse…
OMG colegaa seu blog é lindodeviver *O*

amiga você escreve beeem ;)

adoorei

um nada ( totalmente ) essencial xD

post incrível *o*

;@

tudo de boom xD
Camilla disse…
Isso mesmo, se descobrir o que é amor conta pra borboletinha aqui...

Beijos!!
Máa ;* disse…
pergunta que eu ainda busco, em vão, a resposta. ;*
thoks disse…
O amor nao existe, é apenas algo inventado pelas grandes corporacoes pra vender suas coisas, é mais ou menos com o papai noel e a pascoa.

O amor é tao falso como o sonho que todos tem de um mundo igual e unido.
O amor é a frescura que muitos inventam como desculpas para brigas ou simplesmente pra tentar deixar alguem "feliz".
No mais, é isso, o amor nao existe.

Jesus (Irônico, não?).
Avilla Filho disse…
Amor?!
Complica, mas não existe somente o amor carnal, e tirando o amor para os verdadeiros amigos e para afamilia, creio que os outros amores se renovam, ou não, né?
mas machadinho(sim, eu tenho intimidade com o machado de assis)disse que nem a melhor descrição de amor, valia um beijo!
ae a negada se empolga e sai se lambendo nas micaretas!
aheuaheuaehauehauehuhuaheae
mas beijo com amor, e não essas lambições micareticas.
Avilla Filho disse…
ah, tinha esquecido
MAMA(quem é?) PARABENS!
bozo. disse…
Há um bom tempo me faço essa mesma pergunta. =X


pS: 14 comentários... pouquíssimo né?
heauaehuaehaeu =D
disse…
Aiii oamor não é nada!
O amor é tudo ué!!!!

Beijos
.Gaby. disse…
O amor é algo q nos dá bastante dor de cabeça...


parabéns mama tb!

Postagens mais visitadas deste blog

Carta para o meu avô

tereza, não ames!

há de se ter um jeito