Recebi da Fabi (http://fabianaconti.blogspot.com/) o selo 6 coisas e 6 links. Obrigada! O Chapéu ao receber tais agrados, fica feliz pelo fato de nossas experiências, loucuras e leituras estarem sendo trocadas diariamente.


Seis coisas? Lá vai:

  • sou usária de todos as coisas que possam prender o meu cabelo nos dias que eles estão revoltadamente assanhados.
  • choro em quase todos os filmes que assisto; muitas vezes, o choro é sem emoção alguma, mas por estar acostumada, eu choro.
  • tenho um amor enorme por lápis e também um enorme ciúme de usá-los; então, a maioria fica dentro da gaveta, protegido das lâminas loucas dos apontadores.
  • sou capaz de assistir a programação diária da rede globo quando nada tenho para fazer, começando do Video show, seguindo o Vale a pena ver denovo, Sessão da tarde, Malhação, Negoçio da China...na maioria das vezes, paro por aí. A dor nas costas já está me dominando.
  • no momentos de fome e preguiça, nada melhor que abrir o armário e encontrar aquelas coisas que precisam apenas de 200ml de água quente - macarrão instântaneo, sopa em pó, etc.
  • sou tortamente apaixonada por esse chapéu.

Agora falta indicar os seis links. Vou fazer diferente, os primeiros blogs que entrarem aqui e deixaram algum comentário (pode ser só um oi, não se importe, não me importo com o tamanho!) serão os meus seis blogs indicados. Isso ficou parecendo aquelas promoções do tipo "os 6 primeiros que ligarem ganharão um desconto de cinquenta centavos". Não vou estou dando desconto de nada... e só escreva se quiser. =* beijo!

  • Não sei o que me acontece se não colocar as regras aqui. Como o Torto tem medo de apanhar, lá vai as regras do selo:
    1. Linkar a pessoa que te indicou.
  • 2. Escrever as regras do meme em seu blog.
  • 3. Contar 6 coisas aleatórias sobre você.
  • 4. Indique mais 6 pessoas e coloque os links no final do post.
  • 5. Deixe a pessoa saber que você a indicou, deixando um comentário para ela.
  • 6. Deixe os indicados saberem quando você publicar seu post.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Carta para o meu avô

tereza, não ames!

há de se ter um jeito